Formação Dermopigmentação Capilar

A Dermopigmentação não só se limita a estabelecer as feições do rosto, mas tem mais utilizações no caso da Dermopigmentação Capilar, uma das vertentes, consiste na implantação de pigmentos dérmicos na camada epidérmica, simulando a aparência de uma cabeça rapada.
Os homens não procuram os tratamentos de Dermopigmentação com as mesmas finalidades que as mulheres. Não com intuito de uma maquilhagem para realçar, mas sim para disfarçar, camuflar que influencia de forma positiva a autoestima.
Filomena Bernardo, Formadora Especialista em Dermopigmentação Make-up, Paramédica, Dermatológica, Oncóloga e Capilar, utiliza uma metodologia própria, que resulta num novo sistema avançado de formação para preparar novos técnicos que pratiquem Dermopigmentação de forma consciente e responsável.
Background

 

PROGRAMAÇÃO DA FORMAÇÃO 

DIRIGIDO A: 

Técnicos de Dermopigmentação Make-up ou Paramédica, Técnicos cabeleireiros, Cosmetologistas, técnicos de SPA, médicos e especialistas em transplante capilar ou outras áreas de saúde.

 OBJECTIVO:

No final da formação os formandos terão de ter capacidade para:
  • Definir as vantagens da Dermopigmentação Capilar;
  • Identificar os graus de alopecia;
  • Identificar os produtos necessários;
  • Biosegurança e higiene no trabalho;
  • Ética profissional;
  • Manuseio do equipamento;
  • Efetuar um procedimento corretamente;
  • Aplicação prática das técnicas e conhecimentos adquiridos;

 

INCLUI:

  • Manual técnico;
  • Exemplar de um Termo de responsabilidade e consentimentos;
  • Certificado de Formação Profissional.

PROGRAMA:

  • Conceito de Dermopigmentação Capilar;
  • Dermopigmentação – Várias soluções Homens;
  • Conhecimento geral do equipamento;
  • Identificar os diferentes graus de alopecias;
  • Analisar graus de alopecia pela escala Norwood-Hamilton;
  • Características morfológicas e técnicas de medição;
  • Parâmetros e as várias técnicas de Dermopigmentação capilar;
  • Colorimetria aplicada à Dermopigmentação Capilar;
  • Estimulação de colagénio;
  • Treinamento em ‘Practice Head’;
  • Regulamento no trabalho;
  • Indicações pré e pós tratamento;
  • Protocolo de Higiene Laboral;